Aumentar tamanho da letra  Reverter ao tamanho original Diminuir tamanho da letra  english español

Tudo que aqui se planta, nasce, cresce e floresce...

Por: Bruno Delecave

Cafezal. Foto: Assessoria de Comunicação,  Incaper

Cafezal. Foto: Assessoria de Comunicação,  Incaper

Quando Pero Vaz Caminha chegou em terras brasileiras escreveu uma carta ao Rei dizendo: aqui nessa terra tudo que se planta nasce, cresce e floresce. Ele não podia estar mais certo. Desde então os portugueses trouxeram muitas plantas para o Brasil.


Aqui elas foram plantadas e, como previu Pero Vaz, elas nasceram, cresceram e floresceram. O sucesso delas aqui é tamanho que é fácil se confundir e achar que são nativas.

As mais conhecidas dessas estrangeiras são as frutas, por estarem presentes no dia-a-dia das pessoas. A lista de frutas exóticas é enorme. Banana, manga, jaca e caqui são algumas das mais populares. Até mesmo o café e a cana-de-açúcar, tão importantes para a formação do Brasil, vieram de fora.

 Capim-colonião. Foto: Embrapa.

Capim-colonião. Foto: Embrapa.

Espécies invasoras

Assim como as árvores frutíferas, outros tipos de vegetais foram introduzidos em terras brasileiras. Quando uma dessas espécies exóticas é capaz de modificar o ecossistema é considerada invasora.


Uma planta invasora pode ser muito perigosa e oferecer diversos riscos à flora e fauna nativas. Capins de origem africana, como o Capim-colonião (Panicum maximum), trazidos para formar pastos, podem aumentar o número de incêndios. Como sabemos, o fogo tem um efeito devastador em todos os biomas.

Além disso, por substituírem espécies nativas, plantas exóticas podem afetar animais que dependem das espécies que foram substituídas. Por exemplo, a patativa-verdadeira (Sporophila plumbea) – ave típica dos cerrados paulistas – está em perigo de extinção, pois não se alimenta das espécies invasoras.

 Beleza perigosa

 Maria-sem-vergonha. Foto: Wikipedia

Maria-sem-vergonha. Foto: Wikipedia

Mesmo plantas bonitas, como a maria-sem-vergonha (Impatiens walleriana), podem ser perigosas para a natureza. Essa espécie espalhou-se por boa parte do território nacional. De tão comum, parece até ser original do Brasil.


Mas, quem diria? Ela veio da África. E não tem vergonha de invadir reservas florestais no país. Elas ocupam o espaço de plantas nativas, diminuindo a biodiversidade.


É muito bom comer frutas exóticas. Afinal, elas são muito gostosas. Mas plantas invasoras são perigosas. Por isso é proibido trazer espécies exóticas para nosso país. Portanto, se for ao exterior, não traga nenhuma semente na mala, ela pode causar danos ao meio-ambiente.

 

Saiba Mais:

Frutas exóticas

 

Links Externos:

Instituto Hórus

Toda fruta

 

Consultoria: Miguel de Oliveira - Museu da Vida / Fiocruz

versão para impressão: versão para impressão