Aumentar tamanho da letra  Reverter ao tamanho original Diminuir tamanho da letra  english español

O outro soldadinho

Por: invivo

Foto:Dario Sanches

Foto:Dario Sanches

Conhecido também como tangará-de-crista-vermelha, tangará-chifrudo, dançarino-de-crista-vermelha e tangará-rei, o soldadinho é uma ave de cerca de 15 cm, a maior da família Pripidae, encontrada no cerrado e no pantanal brasileiro, no nordeste paraguaio e em um pequeno trecho de fronteira no nordeste da Bolívia.

O soldadinho (Antilophia galeata) apresenta dimorfismo sexual, isto é, machos e fêmeas são bem diferentes. O macho tem plumagem preta e um vistoso topete vermelho no topo da cabeça. É esse topete, semelhante a um elmo romano, que inspirou seu nome popular. Já a fêmea é verde oliva, assim como os filhotes. Os machos jovens podem levar até três anos para exibir a plumagem do adulto.

Defesa do território

Ao contrário de outros membros da família, o soldadinho não apresenta comportamento de acasalamento lek, isto é, reunião de diversos machos exibindo-se para as fêmeas. Ele defende vigorosamente seu território, com cantos e perseguindo invasores. As fêmeas põem dois ovos em um ninho em formato de cesta.

O soldadinho vive em regiões de buritizais, matas de baixada pantaneira, matas brejosas, matas de galeria e capões. Alimenta-se de frutas e insetos. Exerce um papel importante na dispersão de semente, especialmente no cerrado. Seu canto é alegre e chamativo, composto por cinco partes.

Veja ainda:

Um soldado ameaçado

versão para impressão: versão para impressão

  • apoio Fundação Oswaldo Cruz
  • apoio Casa de Oswaldo Cruz
  • apoio Museu da Vida
  • apoio CNPQ