Aumentar tamanho da letra  Reverter ao tamanho original Diminuir tamanho da letra  english español

O sistema numérico grego

Por: Denise Moraes

Ilustração: Blog L. Lima.

Ilustração: Blog L. Lima.

Os gregos são considerados pais da democracia e da filosofia. Na escola também aprendemos que eles foram os responsáveis pelo desenvolvimento de algumas ciências, como a medicina e a matemática. Nas suas aulas você já ouviu falar do teorema de Pitágoras? Pois bem, Pitágoras foi um grande matemático grego.

Os números, portanto, também eram utilizados por esta antiga civilização. Cerca de 3.300 anos atrás, os gregos fizeram algumas modificações no sistema de numeração que utilizavam, no qual os números eram representados pelas letras iniciais de seus nomes. A partir das mudanças, surgiu um novo sistema numérico, onde todas as letras do alfabeto gregos mais três letras do alfabeto fenício eram utilizadas como símbolos numerais.

Conheça este sistema grego de números-letras:

Para representar os números, os gregos precisavam memorizar 27 letras: as nove primeiras representavam de 1 a 9; as nove próximas representavam de 10 a 90 e as nove últimas representavam de 100 a 900.

Olhando a tabela acima você arrisca dizer quais são os números escritos em grego aqui embaixo?

Confira aqui a resposta.

Colaboração: Paulo Henrique Colonese e Anna Karla da Silva - Parque da Ciência / Museu da Vida

Voltar à matéria principal

Para saber mais:

IMENES, Luiz Márcio Pereira. Os números na história da civilização. São Paulo: Scipione, 1999. (Coleção Vivendo a matemática).

GUELLI, Oscar. Contando a História da Matemática – A invenção dos números. São Paulo: Ática, 2004.

IFRAH, Georges. História Universal dos Algarismos: a inteligência dos homens contada pelos números e pelo cálculo. Tomo 1. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1997.

 

versão para impressão: versão para impressão